Projeto reúne centenas de pessoas para a prática do exercício físico

Com o objetivo de melhorar a saúde e prevenir doenças relacionadas à síndrome metabólica e a depressão, o profissional de Educação Física Marcio Souza Matos criou o projeto No Limiar Sports na Comunidade do Quitungo, em Brás de Pina/RJ, que atende mais de 200 pessoas com atividades de Treinamento Funcional, ginástica calistênica e introdução à Corrida. “Iniciamos, talvez, um dos maiores movimentos de cultura física na Zona Norte da cidade”.

A escolha pelos métodos se deu por conta do baixo custo de investimento além da possibilidade de concentrar um número grande pessoas em uma mesma aula. Outras importantes características adotadas surgiram a partir de resultados que apontaram para a eficiência dos exercícios multiarticulares no processo de emagrecimento, na melhoria das atividades da vida diária, na performance em diversos esportes, tudo isso aliado a experiência do Prof. Marcio com esse tipo de treinamento.

O Projeto está no segundo ano e sobrevive pelo investimento do próprio profissional, que também atua sozinho nas aulas. “A minha intenção é criar um pequeno curso para compartilhar com outros profissionais essa experiência e quem sabe reproduzir em outros locais”.

As atividades acontecem em uma única turma, contemplando, majoritariamente, adultos com o volume de treino pré-estabelecido. “A partir daí os participantes executam os exercícios propostos de acordo com o seu nível de condicionamento, onde o mais importante não é o desempenho alcançado, mas sim o tempo de atividade continua que conseguir realizar, o que certamente impacta positivamente sua saúde”, disse o profissional.

Ao longo do primeiro ano de existência, o profissional já teve relatos de melhoria significativa na qualidade de vida dos participantes, física, metabólica e também psicológica, pois a interação entre os alunos trouxe uma perspectiva positiva para o convívio dentro da comunidade.  Variáveis como Pressão Arterial e Indicie Glicêmico sofreram impactos relativamente positivos, além da frequência às clínicas médicas por motivo de saúde, ficaram cada vez mais raras, o que pode ser associado ao início das atividades em nosso projeto.

As aulas acontecem as segundas, quartas e sextas, das 07h45 às 08h45, e segundas, terças e quintas, das 20h às 21h. Para participar, basta enviar uma mensagem para o número (21) 98285-1099.