NOTA DE REPÚDIO: CREF1 repudia coluna de Paulo Cezar Caju

Texto foi publicado no jornal O Globo do dia 12/12/2018

O Conselho Regional de Educação Física do Estado do Rio de Janeiro e do Espírito Santo (CREF1) lamenta profundamente as declarações do ex-jogador de Futebol Paulo Cezar Caju, publicadas na edição do jornal O Globo do dia 12/12/2018, quando questiona a atuação do profissional de Educação Física durante a preparação de uma equipe de Futebol e sugere a toda uma categoria que “abram suas academias e deixem o futebol em paz”.

A Educação Física é uma profissão reconhecida por lei e, portanto, para atuar é necessária formação em curso superior e do registro profissional em seu órgão de classe. Por tal, sentimos enorme consternação por ver a nossa profissão sendo mais uma vez ultrajada e diminuída por pessoas que não tem o “conhecimento” necessário sobre a importância de um trabalho multidisciplinar em toda e qualquer modalidade esportiva.

É importante destacar também o papel crucial do profissional de Educação Física no Futebol de base, onde tem a incumbência de ensinar valores a seus alunos e criar oportunidades educativas para seus atletas desde o primeiro contato com o esporte, o que significa ir muito além do que vemos nos campos durante uma partida.

Prof. Rogério Melo
Presidente do CREF1 RJ/ES

Publicado em: Nota